© 2015 por ORGANIZABOX e ANA ALTMAN. 

11- 99291-2114                      contato@organizabox.com.br

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Pinterest Icon
  • White Google+ Icon

Independência?

7/9/2016

Você é independente? Ou se sente constantemente presa às coisas e pessoas? Pode fazer o quer, na hora que desejar, ou vive em função dos outros?

 

Dá uma certa dúvida, né? Com certeza você pensou que em alguns aspectos, sim, você é independente, mas em outros...

 

Para começar vamos à definição do que é Independência. Segundo o dicionário, Independência é:

 

 - Condição da pessoa livre, de quem não deve obediência a alguém; estado do que não depende de: independência financeira, emocional, espiritual.

 - Condição da coletividade que não se submete a outra autoridade e se governa por suas próprias leis: Dom Pedro I proclamou a independência do Brasil.

 - Imparcialidade; estado do que ou de quem não é influenciado com facilidade.

 - Caráter da pessoa que não segue ideias determinadas, regras preestabelecidas.

 - Falta de subordinação: a independência entre duas situações.

 - Libertação; liberdade política: guerras de independência.

 - Prosperidade; bem-estar financeiro.

 

Pode ser que você não “deva obediência a ninguém”, mas nossa vida e nossos relacionamentos muitas vezes acabam condicionando nossas escolhas à necessidades e desejos de outras pessoas. Você que é mãe e esposa sabe bem do que estamos falando, né?

 

Coordenar vida profissional, casamento, filhos e se sentir independente... será que dá? Dá para comprar o que você quiser a qualquer momento, ou você depende do dinheiro que sobra das contas e do mercado (quando sobra...)? Dá para você assistir um filme a qualquer hora ou precisa levar e buscar as crianças, na escola, no inglês, na natação, na festa do amiguinho...? Dá para dormir quanto tempo quiser? Dá para não falar com ninguém quando está chateada? Dá para fazer uma refeição (ou ir ao banheiro, rsrsrsrs) com calma e tranquilidade?

 

Difícil, né? São muitas as situações em que nos vemos dependentes de pessoas ou de circunstâncias. Então como melhorar tudo isso e se sentir pelo menos um pouco mais independente? Nós vamos te contar, continue com a gente nesse texto.

 

Alguns sinais de que você não é tão independente quanto pensa

 

Se você se vê em alguma das situações descritas abaixo, em algum nível você é dependente:

 

Saúde Financeira: Você vive no vermelho. Os cartões de crédito estão sempre estourados, você tem um monte de parcelas de várias coisas para pagar e precisa pedir dinheiro para outra pessoa para resolver as situações. O dinheiro que você ganha com seu trabalho não é suficiente.

Saúde Física e Hábito Alimentar: Você almoça o que dá, QUANDO dá (e SE dá). Você come coisas gordurosas: muitos lanches, salgadinhos, snacks, chocolates, etc. Se almoça em um restaurante por quilo, acaba se servindo mais das opções quentes e praticamente ignora as saladas. Você está engordando ou não sente a disposição para a menor atividade física. Se sente cansada, inchada, dolorida. Sua pele e o funcionamento do intestino não estão tão bem assim.

 

Saúde Emocional: Você pensa constantemente no que as pessoas vão dizer ou pensar das suas atitudes. Você frequentemente consulta as pessoas antes de tomar decisões. Você vive olhando o celular pra ver se tem mensagens ou se curtiram seus posts nas redes sociais. Você se sente carente, esgotada e triste.

 

 

 

Tem solução? E as coisas que eu “tenho que fazer”?

 

Nossa vida é feita de relacionamentos e não há como se desvencilhar completamente das outras pessoas, suas necessidades e suas opiniões. Mas quem sabe o que é melhor para você, É SÓ VOCÊ! Ouvir pedidos, opiniões e conselhos não faz mal, desde que VOCÊ decida como vai agir depois deles, de acordo com o que TE FAZ BEM.

 

Começamos a ser mais independentes quando tomamos consciência de nossos atos e assumimos a responsabilidade por nossas escolhas. Buscar o equilíbrio entre “o que eu quero fazer” e “o que eu tenho que fazer” é o começo para ser mais independente, em todos os aspectos.

 

Conselhos da Personal Organizer

 

Olha lá! Já vamos dar conselhos...rsrsrs. Mas são do Bem, hein? Pense se isso faz sentido pra você e adapte esses conselhos à sua vida. Adivinha sobre o que vamos falar...

 

Organize-se!

 

Claro! Quando você se organiza e planeja sua vida, VOCÊ está no controle. Mesmo que seja fazendo ações que favorecem outras pessoas. Ao organizar sua rotina e seus compromissos, você toma maior consciência sobre quais atividades você “quer fazer” e quais “tem que fazer” (se bem que isso também é uma escolha, mas não vamos polemizar).

 

Veja aqui 3 dicas para organizar melhor a sua semana.

 

Para melhorar sua saúde financeira:

 

- Faça um controle de todos os seus gastos. TODOS MESMO! Anote tudo, até um café ou uma bala. Você pode fazer isso deixando um caderninho dentro da bolsa ou usando alguns aplicativos no seu celular. Tomando consciência dos seus gastos você pode perceber se está fazendo compras supérfluas e se está gastando muito com alguma coisa específica.

 

- Quando receber seu dinheiro, você vai poder escolher com o que gastar, onde poupar e até no que investir.

 

Para melhorar sua saúde física e hábito alimentar:

 

- Planeje uma lista onde constem os pratos preferidos de cada membro da sua família. Depois estabeleça um cardápio onde conte pelo menos um item de preferência de cada um. Estabeleça como critério um dia para massas, outro para carne, peixes e assim por diante. Aproveite para usar produtos da estação. Não se esqueça que legumes e verduras devem fazer parte do cardápio diário.

 

- Se você sofre com a falta de tempo, escolha um dia para cozinhar os pratos da semana. Se preferir, faça receitas duplas e congele uma porção. Assim poderá variar os pratos durante a semana no almoço e jantar.

 

- Nada mais perigoso do que fazer compras de supermercado sem uma lista e com fome. CUIDADO! Você corre o risco de comprar muito mais coisas do que pretendia e necessitava (prejudicando também sua saúde financeira). Se fizer uma lista prévia, abreviará o tempo da compra, não esquecerá de produtos e não comprará itens desnecessários e prejudiciais à sua saúde.

- A cada 40 minutos de trabalho, faça uma pausa de 05 minutos. Nessa pausa alongue-se, beba água, vá ao banheiro, olhe pela janela, MUDE O FOCO! Isso descansa e cuida do cérebro e do corpo, aumentando sua produtividade.

 

- Leve uma lancheira de casa. Isso mesmo! Planeje e prepare uma sacolinha com itens saudáveis para comer ao longo do dia.

 

 

Para melhorar sua saúde emocional:

 

- Planeje PELO MENOS um período durante a semana para fazer algo só para você. Pode ser uma aula de música, dança, artesanato, atividade física, meditação, yoga... Pode ser uma ida ao Salão, ou um encontro com alguma amiga querida. Algo que te dê prazer e seja O SEU MOMENTO, você com você mesma. Quando conseguir fixar esse horário na semana só para você, comece a incluir outro... SIM!

 

- Não superlote a sua agenda. O especialista em Produtividade Christian Barbosa sempre recomenda que deixemos um período de tempo do dia sem programação, para podermos lidar com imprevistos ou reprogramações.

 

- Não fique refém das notificações das redes sociais. Elas geram ansiedade e atrapalham a produtividade. Desabilite-as no seu celular e PLANEJE um horário do dia para entrar nas suas redes sociais e interagir com seus amigos.

 

- Planejando e organizando seu dia-a-dia VOCÊ SABE o que pode ou não fazer. Você escolhe o que quer ou não fazer, não dependendo da opinião de outras pessoas para decidir a sua vida e o que é melhor para você.

 

- DIGA NÃO! Isso mesmo. Muito da sobrecarga vem de aceitarmos fazer tarefas que não são nossas. E a dependência emocional pode ser resultado de tolerarmos comportamentos e atitudes que não nos fazem bem, só por medo de confrontar as pessoas. Escolha o que fazer ou não para as outras pessoas, coloque seus limites. E o que decidir fazer, ORGANIZE EM SUA AGENDA.

 

Enfim...

 

Pense, reflita e analise o que serve para você de tudo o que falamos aqui. SÓ VOCÊ sabe o que é melhor para você. De qualquer forma, o segredo para uma INDEPENDÊNCIA MAIOR é, com certeza, a CONSCIÊNCIA no momento presente e nas suas ESCOLHAS.

E a ORGANIZAÇÃO, é claro! 

 

Fez sentido para você? Nos diga o que você achou do texto:

https://www.facebook.com/organizabox

https://www.instagram.com/organizabox

contato@organizabox.com.br

 

 

Beijos, Stella e Malu

 

 

Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • Instagram Social Icon
  • Pinterest Social Icon
  • Google+ Basic Square
  • LinkedIn Social Icon
Posts em Destaque

O que é “Personal Organizer”?

29/01/2016

1/1
Please reload

Posts Recentes

07/09/2016

Please reload